Ei AMIGO! VOCÊ AÍ... QUE VISITA AQUI ... DEIXE O SEU COMENTÁRIO POR AQUI...

Ei AMIGO! VOCÊ AÍ... QUE VISITA AQUI ... DEIXE O SEU COMENTÁRIO POR AQUI...
NÃO CUSTA NADA... E FAZ UMA 'GIOCONDA' FELIZ!

TRADUZA AS FLORES...


Me Sigam as Boas Flores...

11 de jan de 2007

HINO À PAZ - OU - APELO DO DESESPERO

No final de dezembro de 2006,
nas ruas do Centro do Rio/rj, vários
panfletos foram afixados em postes
de iluminação pública, por gente
simples do povo, em perfeito
desespero, pelos acontecimentos
tenebrosos que mataram dezenas
de pessoas inocentes, em ônibus
incendiados e em tiroteios entre os
impotentes policiais, versos
'crime organizado'.
Os panfletos escritos à mão ou em
computadores, diziam apenas:
"POR FAVOR NÃO MATEM AS PESSOAS"

....***A.D'C.***....

HINO À PAZ

- QUEREMOS PAZ!
Não militamos a guerra!
- Chega de opressores tiranos
Cobradores de retaliações
Que se dizem justiceiros
Para o bem da humanidade!
- Que a justiça é cega - todos sabemos!

Mas nós não.
NÃO SOMOS:- nem cegos
- nem surdos- nem mudos!
Perguntamos aos Deuses do Olimpo:

- Mas que justiça é essa?
Que com uma mão joga o pão
Com outra bombardeia inocentes!
- Chega de falsos deuses do Éden,

proprietários da Vida Alheia
para quem a vida humana
é uma bola de pingue-pongue!
- Chega de jogos estratégicos!
- Chega de manipular vidas inocentes

como meras peças de xadrez
onde o vencedor é o jogador mais arguto,
vibrando com as altas taxas de liderança!
- O Mundo...

é como uma bola de cristal mal lapidada.
Por vezes, transparente e límpida
Outras, opaca e nebulosa...
- Os hipotéticos deuses do Olimpo

não são deuses, não são nada
mas apenas, tão somente e simplesmente:
- Hipócritas medrosos
que escondem seus medos jogando bombas:
- Anti-Humanidade
- Anti-Liberdade
- Anti-Futuro,
com falso nome de justiça!
- Não. Não queremos a guerra!!!
- Queremos a branca pomba da Paz!
- Queremos Amor e Fraternidade!
Unamos nossas mãos,
"combatendo"com nossas armas:
- As Palavras!
- A Poesia!
Lutemos pela liberdade de toda a Humanidade,
gritando bem alto:
- Não à Guerra!!!
- Queremos PAZ!!!

"Hino à Paz" escrito em 2003, mas... sempre atual

by@
Anna D'Castro
(D.A.Reservados)
livro "Idealizações"

9 comentários:

Daniela Mann disse...

Querida Anna, muito lhe agradeço a visita ao meu amar-ela. De fato nunca é demais apelar à paz entre os homens, muito embora, até as campanhas de boa intenção estejam muitas vezes na origem de debates violentos, tal é a incapacidade do ser humano de se relacionar humildemente, esquecendo por um momento as suas próprias vontades em prol de alguém que no momento precise mais de carinho e atenção. Gostei muito do seu comentário e considerações. Espero receber a sua visita mais vezes.
Um abraço muito amigo da Daniela.

Mônica Montone disse...

Anna, querida, não vi esses cartazes, ainda, mas me comoveu saber disso!!!!

Sim, precisamos cantar e viver um hino de paz!!!

beijos, flor

MM

Anônimo disse...

Querida Anna, bem regressada!
O teu Hino à Paz é magnífico e sempre actual. Talvez até cada vez mais actual nos dias de hoje, no Brasil e no Mundo.
É comovente saber o apelo que o povo anda a fazer.
É triste ver que a violência sobe cada vez mais de tom, matam-se pessoas inocentes, destroem-se lares e a troco de quê?

Beijo grande amiga

Conceição Bernardino disse...

A alegria é um dom que se adquire a arte a tristeza que se transpira
em beleza...
Eu volto
Beijinhos
Belo
Conceição Bernardino

Meus blogs http://amanhecer-poesia.blogspot.com

http://sentidos-visuais.blogspot.com

Anna D' Castro disse...

Olá gente amiga, feliz 2007 para todos.
Obrigada pelas vossas visitas. É muito triste na realidade a insegurança com que vivemos. O Homem perdeu a sua dignidade e se mata por qualquer dez reais...
Não só aqui no Brasil, mas o mundo afora vive em pânico pelas adulterações dos principios básicos do respeito por si próprios, pela vida humana e consequentemente pela PAZ Mundial.
Então há que haver bom senso e humildade a fim de que cada um de nós tente fazer a sua parte, para melhorar e minimizar a nossa passagem na terra...
Que 2007 nos reserve um pouco mais de amor.
Beijo cada um de vossos corações.
vossa
Anna

Artur Vaz disse...

Poetisa AnnaD'Castro
Já por várias vezes consultei o seu Blog, achei muito intessante. Estou a coordenar uma antologia poética dedicada a Natália Correia, cuja edição está prevista para o ano de 2007 nos Açores com o apoio do Governo regional dos Açores. Gostaria de incluir um poema seu. Gostaria que passasse a mensagem a outros poetas brasileiros. O meu mail é: artur.vaz@sapo.pt. Fico à espera do seu poema. Fiz parte do projecto INDEX POESIS.Artur Vaz, Setúbal.

Anna D' Castro disse...

Meu caro Artur, muito me honrou a sua visita ao meu blog, e o convite que me fez.
Irei passar o seu e-mail a vários poetas amigos aqui do Brasil e em breve lhe enviarei um e-mail com um poema meu para ser inserido na Antologia dedicada a Natália Correia, essa fantástica mulher, uma "fortaleza" que eu sempre admirei.
Um abraço, volte sempre e deixe o seu comentário.
Anna

Artur Vaz disse...

Anna
Ficarei muito honroso com a sua colaboração, já tentei contactar poetas brasileiros, nomeadamente os que participaram na INDEX POESIS, mas até agora não tive sucesso. Seria muito bom incluir poetas irmãos.
Fico na expectativa
Felicidades.

Artur Moura Queirós disse...

Gostei muito de descobrir este espaço, gosto da sua forma de descrever a vida de forma crua.

Quanto à guerra e à paz, será sempre uma "luta" nas mãos de mobilizadores de vontades. "Negras ou transparentes"

Barra Lateral no seu Site Para Compartilhar as Redes Sociais








Sempre Viva... Flor Selvagem!

ARTE E BELEZA É COMO FLORES BAILANDO

Beijos floridos...