Ei AMIGO! VOCÊ AÍ... QUE VISITA AQUI ... DEIXE O SEU COMENTÁRIO POR AQUI...

Ei AMIGO! VOCÊ AÍ... QUE VISITA AQUI ... DEIXE O SEU COMENTÁRIO POR AQUI...
NÃO CUSTA NADA... E FAZ UMA 'GIOCONDA' FELIZ!

TRADUZA AS FLORES...


Me Sigam as Boas Flores...

4 de out de 2006

DEVANEIOS DE POETA...












Sou uma hóspede do tempo
Habito a casa da vida
Viajo em qualquer momento
Sem nenhuma despedida
Saudades ou sequer lamento.

Levo na minha bagagem
Sonhos de Almas, com sóis e ventos
Percorro nessa viagem
Caminhos de contratempos
Como se fosse simples miragem
Ou devaneios de poeta.

Mas a vida não é Concreta
É uma canção envolvente
Num solfejo de Esperança
Com estribilhos de gente
Em compassos de Contradança...

= A vida é como uma criança
= Simples hóspede do tempo!

By@
Anna D'Castro
D.A.Reservados)
Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons.

22 comentários:

100smog lda. disse...

ANNA D´CASTRO! muito obrigado pelas palavras tão simpáticas directamente do RIO DE JANEIRO!!! foi com muito prazer que recebemos a sua mensagem no http://www.algoespecial-almadavelha.blogspot.com/ e faremos os possíveis para que continue a gostar do nosso trabalho ! muito em breve vai abrir em Almada-Velha um projecto que, quando estiver por terras lusitanas, será nossa especial convidada !!! Vá dando notícias e poemas!!! continue visitando http://www.algoespecial-almadavelha.blogspot.com/ ;)

Daniele disse...

É simplesmente fantástico o seu blog.
Adorei!!!
Um abraço
Daniele

Daniele disse...

Minha tão Amada Anna,
Perdoe-me meu anjo quando eu lhe deixei a mensagem no seu blog eu não havia visto que você havia deixado no meu duas mensagens tão permeada por cuidado, por afeto, por amizade, por zelo, por tudo que é tão teu minha amada. Minha doce Anna, eu estive meio triste, porque continuo com uns probleminhas de saúde que na hora propícia eu lhe contarei minha amada. Mas estou sempre firme com o Nosso Senhor, e a ele tudo entrego porque creio nas bençãos que o nosso Pai Celestial nos proporciona. Pois ele me proporcionou a benção de tê-la, de poder desvendar tua alma de senti-la tão presente, tão junto a mim ! A minha amada, só o nosso Deus poderá dizer o quanto lhe amo, e o quanto a nossa amizade me é essencial !

Daniele disse...

Minha amada, eu estou vendo com a Cris Couto, que é um ser como tu, uma alma de uma nobreza, se ela sabe fazer o calendário e o relógio com o fundo que eu fiz para ti na janela , aquela mulher envolta em flores. Estou preparando umas surpresas para ti minha amada !
Eu vou lhe pedir que vc. me envie o mais rápido o html do seu blog para eu poder ver a lateral como está , é só vc. ir em Modelo , selecionar tudo copiar e colar no word pad e me mandar por e-mail, meus e-mails são camilleclaudel2004@yahoo.com.br ou camilleclaudel2002@hotmail.com
Sou apaixonada pela obra de Madeimoselle Camille Claudel, e me permito homenageá-la assim (risos). Minha amada irei lhe acrescentar no meu msn para fazermos tudo juntinhas. Não há nunca pelo que agradecer, eu faço com todo o amor do mundo, e não cabe agradecimentos. A nossa amizade é tão bela, tão intensa que só cabe os nossos sentimentos, os nossos versos, e o nosso aconchego.
Seus versos a cada dia superam-se...a sua escrita jamais vi ! É uma obra de arte !
Beijos no seu coração,
Da amiga que lhe ama,
Dani

Arauto da Ria disse...

Anna! Vou tentar arranjar o seu livro, pois qero ler de suptão e não ás pinguinhas. Mais um poema que me deixa agua na boca.
Escreva e que nunca a inspiração lhe falte.
Um beijo

Anna D' Castro disse...

Meus queridos, mais uma vez fico enternecida pelas manifestações de carinho.
Voltem sempre a este cantinho. Vou fazer de tudo sempre para merecer o vosso carinho.
********
Dani,
querida já enviei o que pediu por e-mail, espero que não esteja abusando muito de ti fofinha.

*********
Meu amigo Arauto, aí em Portugal o meu livro "Aquela Voz" está à venda em Almada e em Cacilhas(margem sul do Tejo), ainda alguns, poucos exemplares. Aqui no BR, depois do lançamento e venda em livrarias, eu fiquei com alguns para vender diretamente ao público... quanto ao meu outro livro "Revelações", esgotou a 1ª. edição e não foi lançado em Portugal.
Devo gravar um CD em novembro, com poemas do REVELAÇÕES e talvez fazer uma nova edição do livro em 2007, mas para Portugal, não sei quando, talvez só em 2008.
Estou pensando em editar um livro on line ou E-Book, assim que me for possível.
Obrigada pelas palavras. E volte sempre que a "casa é sua".
Meu abraço.

***********
Daniele de MG, obrigada pela visita, gostei muito de passar no seu florido blog, voltarei, pois não consegui deixar um comentário, porque a NET caiu.
Mas irei retribuir sua visita.
Beijokas e volte sempre.

desassistidas disse...

Olá Anna, vim conhecer o seu blog e me deparo com um post tão maravilho.
Fui prazer passar por aqui.
abraços,
THA

Daniele disse...

Minha Amada Anna,
Como estavamos falando sobre a paixão que nutrimos por Camille Claudel, eu acho que ninguém soube esculpir a própria dor como Camille o fez magistralmente eu já escrevi sobre Camille, e fiz uma sinopse que coloquei no meu blog, mas como vc. sabe quando entraram e mexeram sumiram todos meus posts, mas irei recolocar, porém eu jamais soube que Camille cometeu suicídio. Sei que ficou por 30 anos internada em Villeneuve les Avignon, e morreu em 19/10/1943. Mas jamais soube a causa da morte de Camille. ! Eu gostaria muito que você me passasse essa última carta que ela escreveu a Rodin. !
Sou apaixonada pelas artes, minha amada e sempre quero aprender mais e mais.
Eu lhe peço que vá no blog http://espectros1.blogspot.com e veja como ficou agora, eu coloquei divisórias para ficar mais arrumadinho e a Cris Couto colocou no award que eu fiz para ti uns brilhinhos que gostei muito, agora preciso saber se minha amada Anna gostou para a Semana que vem arrumarmos seu blog...

Daniele disse...

...MInha Amada , eu só estou esperando para ver se a Grace consegue fazer o reloginho para ti, pq. do resto se minha amada achar que está bom , já poderemos arrumar !
De por gentileza minha amada Anna, uma olhadinha em diversos e clique em Minha Sala com Presentes & Fotos. Eu peguei 2 fotos suas no seu blog, e ali as coloquei. Veja se está do seu gosto.!
Te amo Demais...
Minha amiga tão amada, terna poetisa...que possui a mais bela escrita que já li !
Beijos nesse seu coração que exala nobreza e tudo o que há de mais belo...!
Dani.

Kristal disse...

Querida Anna, uma alegria vir lhe visitar em seu lindo blog.
Adorei o relógio de fadinha !
Beijo
Kristal

dudv disse...

"A vida é como uma criança
Simples hóspede do tempo"
Belas palvras... um dia gostaria de aprender a escrever poesias...

http://duduoliva.blog-se.com.br/blog/conteudo/home.asp?idblog=13757

Palavril disse...

Oi Anna!!
Gostei mt de tudo!
Parabéns!!!
Vou linkar lá na Palavril!!!
Um bjão!!!

alex topini

João Filipe Ferreira disse...

Mas que lindo....como é penetrante esse seu ultimo poema..sincero, perfeito, magnifico..poxa..vc tem um Dom mm..nc pare de deliciar os seus fãs(eu já sou um deles) com a sua magia...
beijinho:) adorei

Anônimo disse...

"Mas a vida não é concreta
É uma canção envolvente
Num solfejo de esperança
Com estribilhos de gente
Em compassos de contradança..."

Que forma tão bela de falar da vida! Intensa maneira de sentir de uma alma poeta!

Beijinhos.

Vera disse...

Querida Anna, és absolutamente, incrivelmente fantástica! Ler-te é um prazer!
Queria-te perguntar pelo teu livro aqui em Portugal, mas já li a resposta... Só resta aos fãs de Portugal aguardarem...
Um beijo grande!

Leonor Cordeiro disse...

Querida ANNA !!!
Que lindo poema , seus versos falam ao coração .
"= A vida é como uma criança
= Simples hóspede do tempo!"
Passear pelo seu blog é uma delícia .
Grande abraço e muitos beijinhos .
Com carinho,
Leonor Cordeiro

Leonor Cordeiro disse...

Voltei só para reler esse poema .
Gosto muito desse tema ...
BJS

Anna D' Castro disse...

Oi amigos queridos, fico feliz ao ler os vossos comentários, muito me estimulam. Bem hajam meus queridos.
Estou viajando em trabalho e só regressarei no próximo domingo.
Tentarei fazer uma visitinha a cada um de vós e postar mais um poema, até lá, bom feriado e ótimo f.d.s.
Beijokas para todos desta vossa amiga

soli-arte disse...

Olá Anna, Desde já obrigada pela sua visita ao meu blog e as palavras que lá me deixou.


aproveitei e dei uma vista de olhos ao seu e adorei. prometo que vou voltar com mais tempo.

Quanto a este seu poema, a frase com que o inicia e a que o finaliza transmitem uma grande verdade, pena é que nem todos pensem dessa maneira.

"Sou uma hóspede do tempo
Habito a casa da vida".....

"= A vida é como uma criança
= Simples hóspede do tempo!"

Adorei
Beijos Anna e até uma próxima

Teresa

Isa&Luis disse...

Eu sou «como uma criança, simples hóspede do tempo!»
Só posso dizer que gostei muito do teu poema e que te desejo sempre muita inspiração.

Beijos!
Luis

Anna D' Castro disse...

Oi Teresa, obrigada pelas suas palavras. Que bom que gostou. Também a parabenizo pelo seu belíssimo trabalho de artesã/biju.
Adorei e volte sempre até aqui.
Um beijo

*****************

Caro Luis, grata pela sua visita. É sempre muito gratificante receber visitas e comentários de autênticos 'experts' na arte da escrita, seja em prosa ou em verso.
E vcs "ISA&LUIS", são mestres, pelo que pude ler e apreciar dos v/blogs.
Muito obrigada pelo carinho e volte sempre.
Meu abraço

Jôka P. disse...

Anna,
passei para ler seus posts, matar as saudades e deixar um beijo pra você.

Barra Lateral no seu Site Para Compartilhar as Redes Sociais








Sempre Viva... Flor Selvagem!

ARTE E BELEZA É COMO FLORES BAILANDO

Beijos floridos...